Skip to content
Entre Crie sua conta

Diga sim para conquistar seus objetivos
Dicas sobre como organizar seu dinheiro, sair do vermelho, fazer seu dinheiro render e entender o mercado.

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para crescer como empreendedor
Conteúdos práticos sobre como organizar as finanças do seu negócio, começar a empreender, administrar seu negócio e vender mais

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para expandir sua empresa
Conhecimento sobre como impulsionar suas vendas, gerenciar e expandir sua empresa e insights de mercado

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para tecnologia descomplicada
Conteúdos sobre conta grátis, crédito, venda online e física, Pix e tutoriais Mercado Pago

Acesse

Conheça a biblioteca

Qual a diferença entre vender com maquininha e o código qr?

Conheça mais sobre esses métodos de pagamento e quais as vantagens de usar cada um deles.
Pessoa apontando a câmera do celular para o Código QR

O consumidor atual é exigente e busca sempre por facilidades tanto na hora de fazer suas compras, como principalmente na hora de pagar por elas, por isso investir em processos no seu negócio que garantem agilidade, segurança e praticidade são essenciais para suas vendas.

Atualmente, as modalidades de pagamento mais usadas pelo brasileiro vão além do tradicional, isto é, o dinheiro. De acordo com uma pesquisa da CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas), outros métodos começam a ter as preferências dos consumidores. 

A pesquisa aponta que o pix, por exemplo, representa cerca de 70% das transações realizadas no mercado, enquanto o cartão de débito é usado em 66% e o cartão de crédito em 57%

Levando isso em conta, vender com maquininha e o Código QR pode ser uma forma de aumentar as vendas do seu negócio e ainda garantir uma boa experiência de compra aos clientes. 

 

A importância de vender com maquininha e o Código QR


Sendo os cartões de débito e crédito amplamente usados pelos consumidores, a maquininha de cartão é certamente uma das formas de aceitar pagamentos mais populares e confiáveis, garantindo ao seu negócio vantagens, como atrair mais clientes e aumentar as vendas. 

As opções mais modernas do mercado permitem não só o pagamento de produtos e serviços inserindo o cartão, mas também usando a tecnologia de aproximação, o que torna o processo mais prático e seguro por não exigir o contato nem a digitação de senha. 

O Código QR também se destaca pela facilidade e por ser uma ótima alternativa em tempos de distanciamento social. A sigla vem do termo inglês “quick response”, que significa resposta rápida e representa um código bidimensional que pode ser lido por qualquer smartphone com câmera, permitindo acessar informações e, inclusive, realizar pagamentos.

Nesse sentido, é possível gerar dois tipos de Código QR, o estático contendo informações, como sua chave Pix, e o dinâmico, que pode ser gerado com o valor exato da transação. 

Só pra se ter uma ideia da importância desses meios de pagamento, em 2021 foram efetuadas mais de 30 bilhões de transações com cartões de crédito, débito ou pós-pago. Ou seja, a maquininha é realmente um item essencial para faturar mais. 

Por outro lado, o Código QR também atrai grande parcela dos consumidores, sendo que 67% dos brasileiros já experimentaram esse método de pagamento usando um smartphone no último ano segundo a pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box. 

 

👉 Conheça mais soluções para negócio

 

As diferenças entre vender com maquininha e o Código QR


Mas, afinal de contas, vender com a maquininha e o Código QR é a mesma coisa? Ambas as opções são vantajosas para o seu negócio, porém, elas possuem diferenciais que podem te ajudar a entender o funcionamento de cada uma. 

Por exemplo, em relação à tecnologia os dois métodos funcionam de formas diferentes. As maquininhas de cartão usam o NFC (Near Field Communication), uma ferramenta que possibilita a troca de informações sem contato, e isso inclui mais opções, como cartões, celulares e pulseiras. Já o código QR exige o uso de um celular para fazer a leitura do código. 

A seguir, descubra mais detalhes a respeito do funcionamento dessas duas ferramentas:

 

  • Como funcionam as vendas com maquininhas

Não é à toa que as maquininhas de cartão são opções bem conhecidas e que ganham a confiança de quem compra e de quem vende. Além de ser uma ferramenta bastante consolidada, elas permitem pagar e receber por meio de diversas bandeiras de cartão, oferecem opções de parcelamento, possibilitam cobrar em qualquer lugar com opções sem contato, como o código QR, Pix, entre outros pagamentos por aproximação. 

Do ponto de vista do empreendedor, existem modelos ainda mais vantajosos que não cobram aluguel ou taxa de adesão, possuem funções de gestão das vendas e ainda permitem receber o dinheiro na hora. Tudo isso ajuda a gerenciar as finanças.

 

  • Como funcionam as vendas via Código QR

Essa tecnologia tem facilitado o pagamento do consumidor e o recebimento do dinheiro. É possível cobrar diretamente pelo celular e também disponibilizar o Código QR de forma bastante atrativa no seu ponto de venda, incentivando os consumidores a adotarem esse método. 

Para isso, basta ter o seu código QR e Pix físico e espalhar estrategicamente pelo seu comércio, permitindo que o cliente escaneie o código e efetue o pagamento da sua compra. 

 

As vantagens da maquininha e o Código QR para seu negócio


Contar com meios de pagamentos ágeis e eficientes é fundamental para impulsionar as vendas do seu negócio, atraindo mais clientes e oferecendo uma ótima experiência de compra. 

No caso das maquininhas as vantagens que o seu negócio tem variam entre ter mais praticidade na hora de cobrar, facilidade na compra para os clientes, segurança para quem vende e quem compra, permitir serviços secundários e contar com mais opções na hora de fechar a venda.

Já o código QR garante vantagens como a possibilidade de ter recebimentos instantâneos com taxa zero, além de diversas formas de pagamento, facilidade na hora de usar, experiência de compra melhorada ao consumidor e maior atração de clientes. 

 

Venda mais e melhor com a maquininha e o Código QR


Como visto, ambas as opções oferecem facilidades para seu negócio e para os clientes, garantindo maior satisfação e vantagem competitiva. Para ter resultados ainda melhores, o ideal é combinar os dois métodos de pagamento, atraindo e fidelizando consumidores, além de ter mais controle sobre os seus recebimentos de forma simplificada.

 

Venda com Maquininha de Cartão Point e receba na hora


Escrito por:

assinatura_equipe

Artigos relacionados