Skip to content
Entre Crie sua conta

Diga sim para conquistar seus objetivos
Dicas sobre como organizar seu dinheiro, sair do vermelho, fazer seu dinheiro render e entender o mercado.

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para crescer como empreendedor
Conteúdos práticos sobre como organizar as finanças do seu negócio, começar a empreender, administrar seu negócio e vender mais

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para expandir sua empresa
Conhecimento sobre como impulsionar suas vendas, gerenciar e expandir sua empresa e insights de mercado

Acesse

Conheça a biblioteca

Diga sim para tecnologia descomplicada
Conteúdos sobre conta grátis, crédito, venda online e física, Pix e tutoriais Mercado Pago

Acesse

Conheça a biblioteca

Novidades Pix: tudo o que você precisa saber

Conheça todas as soluções para melhorar os pagamentos e recebimentos com Pix no e-commerce
Usuário aproveitando as novidades do Pix para ter uma experiência de pagamento diferenciada no e-commerce.

Em janeiro de 2021, apenas 17% dos e-commerces diziam que aceitavam Pix.

 

Recentemente, esse número cresceu para 32% nas maiores lojas online do Brasil. Além disso, já foram movimentados R$ 1,5 bilhão em mais de 230 milhões de chaves cadastradas, de acordo com o Banco Central. 

A tendência é que esses números cresçam ainda mais. Dessa forma, as lojas virtuais só têm a ganhar, porque os recebimentos são na hora, os custos são mais baixos que outras soluções e a taxa de conversão é 55% maior comparada ao boleto. Como forma de pagamento, o Pix é uma experiência melhorada de compra, com disponibilidade 24 horas por dia e sete dias por semana. 

Segundo Elaine Shimoda, head de inovação em pagamentos e parcerias do Mercado Pago, os boletos trazem vários desafios, sem contar que a aceitação do cartão de débito no e-commerce ainda é restrita. “Estamos vendo o Pix como um excelente substituto do boleto, por isso os clientes estão naturalmente migrando”, explicou.  

Essas e outras oportunidades foram abordadas no webinar “Pix no e-commerce: o que está por vir nos próximos meses?” feito em parceria com o E-commerce Brasil. Agora, reunimos tudo o que você precisa saber para não ficar de fora de todas as novidades do Pix

 

O que fazer com o Pix hoje

O Pix facilita toda movimentação de dinheiro para que seja o mais rápida e prática possível e, obviamente, 100% segura. Mas não para por aí, os pagamentos instantâneos já contam com várias soluções que melhoram a rotina das pessoas de diversas formas. 

 

1- Pix Copia e Cola 

 

O Pix Copia e Cola é uma boa opção para compras pelo celular. Com ele, além do código QR, o comprador também recebe um código ou link, que só precisa copiar e colar no aplicativo do seu banco para fazer o pagamento via Pix. 

Segundo Elaine, o Pix aumenta as oportunidades do empreendedor. “Agora, ao invés de gerar um boleto, ter que lembrar que foi gerado, pagar, esperar a compensação e voltar, o Pix permite que aconteça tudo em alguns segundos, ajudando o seu negócio”, analisou. 

 

2- Fazer mais negócios 

 

A redução de custos com Pix pode ser aproveitada para gerar mais lucros e aquisição de clientes.

Na prática, o pagamento instantâneo pode ser mais eficiente nas estratégias de cashback, cupons de descontos para serem usados em outras compras e preços mais atrativos comparados com outros métodos.

 

3- Auxílio, e-social e impostos com Pix 

 

Os clientes do auxílio emergencial já podem fazer compras com Pix, não com a mesma titularidade, desde o dia 30 de abril de 2021. Além disso, pagamentos de e-social e impostos já estão disponíveis, apenas com algumas restrições, por exemplo para MEIs.

 

4- Pix Cobrança 

 

Em vigor, o Pix Cobrança é a versão do boleto. Com o QR Code, é possível adicionar novas informações, como inteligência de adição e cálculo de multas, juros e desconto sobre o valor original da cobrança. 

As vantagens dessa solução para os negócios são: personalização da cobrança, compensação imediata, custo menor ou taxa zero no Mercado Pago para microempreendedores. 



5- Saque Pix e Pix Troco

 

Previsto para o segundo trimestre de 2021, o Saque Pix pode ser feito em lojas físicas de redes varejistas. O usuário tem disponível até quatro saques gratuitos por mês no limite de R$ 500 por dia, sujeito à confirmação. Funciona assim: o consumidor faz um Pix de R$ 100 e recebe R$ 100 em espécie.

Com o Pix Troco, o usuário recebe a diferença de um pagamento de uma compra. Por exemplo, a pessoa compra um item de R$ 50, faz um Pix de R$ 100 e recebe R$ 50 de volta em espécie. 

 

6- Iniciador de pagamentos no Open banking

 

Na terceira fase do Open Banking, sistema bancário aberto do Banco Central, o objetivo é disponibilizar uma forma de pagamento simplificada através do Pix, semelhante ao pagamento no WhatsApp

 

 

7- Agendamento de Pix 

 

O agendamento de Pix é uma funcionalidade que ajuda no controle financeiro e está prevista para o terceiro trimestre de 2021. A vantagem é que é instantâneo e acontece exatamente na data programada, diferente de outros métodos que estão sujeitos ao horário e dia da semana.

 

8- Pix NFC  

 

Previsto para o quarto trimestre de 2021, o Pix NFC é quando o usuário consegue realizar os pagamentos por aproximação. O benefício é não precisar de um cartão, mas contar apenas com o aplicativo da instituição financeira. Para determinados valores, não será necessário senha para confirmação da transação.

 

9- QR Comprador 

 

A partir do quarto trimestre de 2021, a solução está funcionando para o usuário pagador que exibe um QR Code ao invés de ler, assim é possível realizar pagamentos, mesmo estando offline. Também pode ser usado em casos em que não existe um vendedor presente, como transporte público. 

O processo é simples, basta o pagador abrir o app da conta digital, gerar um QR Code offline e, depois disso, o estabelecimento lê o código. Por fim, o comprador autoriza o pagamento solicitado.

 

10- Pix Garantido ou Pix Parcelado 

 

O Pix Garantido ou Pix Parcelado é uma funcionalidade que ainda não tem definições porque está prevista para 2022. Mas a ideia, como o nome sugere, é poder fazer compras parceladas com Pix. 

 

 

 

Qual é o futuro do Pix no Brasil?

“O Pix  substitui facilmente o cartão de débito e ajuda todo o ecossistema a ter uma opção muito mais barata. Muito da agenda do Pix tem a ver com democratização dos serviços financeiros, assim como a gente acredita no Mercado Pago”, afirmou Elaine.


1º Tri 2021 2º Tri 2021 3º Tri 2021 4º Tri 2021 2022
Auxílio, e-social e impostos com Pix Saque Pix e Pix Troco Agendamento de transações Pix NFC Pix Garantido ou Pix Parcelado
QR Comprador Iniciador de pagamentos   QR Comprador  
Auxílio, e-social e impostos com Pix, QR Comprador Saque Pix e Pix Troco, Iniciador de pagamentos Agendamento de transações Pix NFC, QR Comprador Pix Garantido ou Pix Parcelado

 

Desde o lançamento do Pix, o Mercado Pago disponibiliza antecipadamente as funcionalidades para você poder contar com todas soluções com facilidade de integração no seu e-commerce e simplicidade para as compras dos seus clientes. 

Além disso, estamos desenvolvendo as melhorias apresentadas pelo Banco Central para serem adaptadas ao mundo virtual. Ou seja, em breve, teremos muitas novidades para quem vende online com Pix do Mercado Pago! 

 

Experimente as novidades do Pix e aumente os lucros do seu negócio 

Os pagamentos instantâneos são uma conquista de mais liberdade para os compradores e oportunidades de crescimento para o seu negócio.

Não perca a chance de fazer parte desse sucesso, ofereça o Pix no checkout do seu e-commerce e aproveite todas as novidades que estão por vir.

 

Pix com Mercado Pago


Escrito por:

assinatura_equipe

Artigos relacionados